FINDECT ACIONA SENADORES POR PERIGOS QUE UMA PRIVATIZAÇÃO TRAZ AO POSTALIS


Publicada dia 20/10/2021 23:30

Tamanho Fonte:

●A Diretoria da Federação encaminhou a todos os Senadores um documento que detalha a realidade do Postalis, como ele funciona, as dívidas que o atingem e quem são os responsáveis, além os enormes custos financeiros jogados nas costas daqueles que não são responsáveis pelos problemas, e sim as vítimas, os trabalhadores dos Correios.

●A grande preocupação nesse momento está em como o problema seria gerido em caso de uma privatização, uma vez que todos os cenários vislumbrados apontam para ainda mais prejuízos para os trabalhadores.

Os trabalhadores pagam a conta

Muitos Senadores acreditam que o povo arca com o prejuízo do Postalis, porque na cabeça deles as dívidas ficam com a empresa e o governo. São induzidos a pensar assim, mas isso é falso. QUEM PAGA SÃO OS TRABALHADORES!

Por isso o documento encaminhado explica em detalhes a quase inacreditável situação em que foram jogados os participantes e assistidos do Postalis.
Mostra que devido a erros em série, má gestão de recursos, aplicações financeiras erradas e calote da patrocinadora, os trabalhadores estão arcando com enormes custos, pagando o prejuízo de seus bolsos com contribuições extraordinárias abusivas e injustas, e que poderão ter suas situações agravadas no caso de confirmação da privatização dos Correios.

Como fica se privatizar

No documento estão explícitas as possibilidades de ocorrência em caso de uma privatização. São elas:

●A empresa sucessora dos Correios não desejar mais ser patrocinadora dos Planos BD Saldado e Postalprev, deixando os empregados na mão e com enorme prejuízo.

●A empresa sucessora dos Correios desejar alterar as modalidades dos Planos para um modelo de Plano de Contribuição Definida.

●A empresa sucessora dos Correios querer se desvincular com o Postalis e transferir a administração dos Planos para um banco ou seguradora, caso em que os participantes e assistidos perderiam o direito de participar da gestão do seu Plano de Previdência, o que atualmente fazem por meio de assentos paritários no Conselho Deliberativo do Postalis.

Em qualquer desses cenários, é certo que participantes e assistidos do Postalis terão enorme prejuízo com a privatização dos Correios.

Para saber mais, leia o documento enviado aos Senadores AQUI.

Fonte: FINDECT

Compartilhe agora com seus amigos

Notícias Relacionadas

FINDECT EM AÇÃO!

FINDECT EM AÇÃO!

Mais uma reunião virtual reforça a luta contra o PL 591 que destrói os Correios e empregos dos trabalhadores. Na tarde dessa quinta-feira, 25/11, José A...

veja também em nosso site

Negociações Coletivas 2019/2020

Negociações Coletivas 2019/2020